Noite dos tambores

A “Noite dos Tambores” é um encontro de música que reúne uma amostragem significativa da diversidade rítmica percussiva, de diversas matizes. O projeto proporciona a circulação, difusão, valorização da música percussiva, e promove o intercâmbio entre os grupos participantes, a formação de público e parceria com escolas públicas e ações culturais da região.

Umoja

Em swahili, Umoja significa “unidade”. Há seis anos o coletivo formado por artistas que vão da dança à educação, o grupo Umoja tem como compromisso a difusão, o resgate e a preservação da manifestações culturais afrobrasileiras: do samba-de-roda à ciranda, o coletivo reúne em suas rodas a diversidade dos ritmos populares. Ao longo do ano, o Umoja realiza diversas ações que primam pela escuta e pelo reconhecimento das personagens culturais na zona sul de São Paulo, dialogando permanentemente com a comunidade de seu entorno, o Jardim Ibirapuera. Dentre as ações do Umoja, está a Noite dos Tambores.

publico

Contato

Noite dos Tambores
Rua Inácio Pais, 89 | 05816-1605
Recanto Santo Antônio – São Paulo/SP
+55 11 5892-7988
noitedostambores@gmail.com

CORPO TAMBOR – OFICINAS

Nos dias 17, 18, 19, 24, 25, 26, 27 e 28 a Noite dos Tambores realiza ciclo de oficinas que têm o tambor como pulsação para a música e para o corpo. As inscrições são gratuitas e antecipadas.

Inscreva-se aqui: http://www.noitedostambores.com/inscricao/

NDT2016_Oficinas_Tambor-e-Educacao
SESC Campo Limpo – Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, 120 – Campo Limpo
De 17 a 20 de maio, a Noite dos Tambores realiza bate-papo sobre o uso do tambor como ferramenta educativa. Com exposição, palestras, filme, apresentações, o participante entrará em contato com o ritmo, com o som e com o tambor.
Atividade dirigida às escolas,grupos convidados e aberta ao público em geral.

 

NDT2016_Oficinas_Xire-dos-Orixas
Bloco do Beco – Rua Bento Barroso Pereira, 02 – Ponto final do Jd. Ibirapuera
O Xirê é o nome que se dá ao procedimento de se tocar e se dançar para os Orixás, no candomblé. O Candomblé é a ocasião, a festa e o Xirê é a festividade, a sequência de dança e de música no panteão sagrado. De Exu a Oxalá: os deuses dançam.

 

NDT2016_Oficinas_Tambor-e-Educacao-Musical
SESC Campo Limpo – Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, 120 – Campo Limpo
Como foco no uso do tambor na educação musical para todas as idades, o encontro é dirigido aos estudantes de música, músicos, artistas e público em geral.

 

NDT2016_Artes-oficinas_v2
Sacolão das Artes – Av. Cândido José Xavier, 577 – Pq Sto Antônio
Encontro para experimentar os toques, os ritmos e os diversos tipos de instrumentos percussivos.

 

NDT2016_Oficinas_Danca-de-Bloco-Afro_livre
SESC Campo Limpo – Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, 120 – Campo Limpo
Introdução a cultura afro baiana através da dança e seus valores estéticos, políticos e identitários, tendo como foco principal a prática e diversidade corpórea da danças criadas nos Blocos Afros e apresentadas no carnaval baiano.

 

NDT2016_Oficinas_Danca-de-Bloco-Afro_inscritos
SESC Campo Limpo – Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, 120 – Campo Limpo
Introdução a cultura afro baiana através da dança e seus valores estéticos, políticos e identitários, tendo como foco principal a prática e diversidade corpórea da danças criadas nos Blocos Afros e apresentadas no carnaval baiano.

COMO CHEGAR

Sacolão as Artes
Av. Cândido José Xavier – Parque Santo Antonio, 577, São Paulo – SP

sacolao endereço

Transporte público – Ônibus – Descer na Av. Cândido José Xavier, 549

Itinerários:

675A-10 (METRO SAO JUDAS / PQ. STO. ANTONIO)

(PONTO FINAL AO LADO DO ESPAÇO)

675V-10 (METRO JABAQUARA / TERM. CAPELINHA)

(PASSA EM FRENTE AO ESPAÇO)

5119-10 (LGO. SÃO FRANCISCO / TERM. CAPELINHA)
6001-10 (TERM. SANTO AMARO / TERM. CAPELINHA)
648P-10 (TERM. PINHEIROS / TERM. CAPELINHA)
6805-10 (TERM. JOÃO DIAS / TERM. CAPELINHA)

Sobre

A “Noite dos Tambores” é um encontro de música que reúne uma amostragem significativa da diversidade rítmica percussiva, de diversas matizes. O projeto proporciona a circulação, difusão, valorização da música percussiva, e promove o intercâmbio entre os grupos participantes, a formação de público e parceria com escolas públicas e ações culturais da região.

Umoja

Em swahili, Umoja significa “unidade”. Há seis anos o coletivo formado por artistas que vão da dança à educação, o grupo Umoja tem como compromisso a difusão, o resgate e a preservação da manifestações culturais afrobrasileiras: do samba-de-roda à ciranda, o coletivo reúne em suas rodas a diversidade dos ritmos populares. Ao longo do ano, o Umoja realiza diversas ações que primam pela escuta e pelo reconhecimento das personagens culturais na zona sul de São Paulo, dialogando permanentemente com a comunidade de seu entorno, o Jardim Ibirapuera. Dentre as ações do Umoja, está a Noite dos Tambores.

Fotos

img_NDT_Mobile (7)

img_NDT_Mobile (6)

img_NDT_Mobile (5)

img_NDT_Mobile (4)

img_NDT_Mobile (3)

img_NDT_Mobile (2)

img_NDT_Mobile (1)

img_NDT_Mobile (0)

 

Vídeo